RÁDIOS
Campo Grande, 19 de julho

Procurado pela Interpol há 20 anos é preso pela PRF em ônibus que ia para Corumbá

Colombiano investigado por autoridades espanholas é apontado como um dos traficantes mais perigosos naquele país

Por Rodolfo César
29/11/2021 • 09h32
Compartilhar

Quem viajava de Campo Grande para Corumbá neste domingo (28) à tarde estava dentro do ônibus que era também ocupado por um dos traficantes mais procurados pela Interpol. Jorge Humberto Florez Morales, 47 anos, vinha para a Capital do Pantanal, mas sua viagem foi interrompida por uma operação envolvendo polícias brasileiras, boliviana e colombiana. A ação foi desencadeada para prender o investigado que há 20 anos fugia das autoridades.

Toda a ação foi coordenada pelo Centro de Cooperação Policial Internacional da PF no Rio de Janeiro. Coube à Polícia Rodoviária Federal de Mato Grosso do Sul a execução do plano, na abordagem do ônibus que fazia o trajeto e realizar a prisão. O veículo foi parado na BR-262.

A decisão em parar o veículo na entrada do Pantanal, no município de Miranda, foi definida para dificultar qualquer tentativa de fuga. Policiais federais da Delegacia de Corumbá deram apoio à PRF.

CBN: BANNER DIGIX 01.01 A 30.06.2024
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O preso, segundo autoridades espanholas, é suspeito de tráfico internacional de drogas e considerado de alta periculosidade. Por conta disso, além do trabalho da PRF e PF, o setor de inteligência da Polícia Militar do Estado atuou nesse caso para fazer o monitoramento do investigado e seguir os passos deles. Polícias da Bolívia e Colômbia deram apoio no caso.

O pedido de prisão preventiva para fins de extradição foi formulado pelo Escritório Central Nacional da Interpol em Brasília (DF) com base nas informações da Difusão Vermelha incluídas pelas autoridades do Espanha.

Depois de localizado e preso, Jorge Humberto foi levado pela PF para a Superintendência, em Campo Grande. Ele foi ouvido e será mantido preso até que o processo de extradição para a Espanha seja realizado. No país europeu ele passará por julgamento com relação ao crime de tráfico internacional de drogas.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de CBN Campo Grande