RÁDIOS
Campo Grande, 20 de maio

Anta de 300 kg é resgatada por guindaste em Costa Rica

Apesar de casos recentes, número de animais capturados em áreas urbanas e rodovias em 2022 é 5% menor que no ano passado

Por Thais Cintra
12/05/2022 • 18h00
Compartilhar

Vítima de atropelamento, uma anta de 300 kg foi capturada às margens da rodovia MS-395 em Costa Rica nesta quinta-feira (12). Resgatada pela Polícia Militar Ambiental (PMA), o animal possuía diversos ferimentos, dificuldades de locomoção e precisou de guindaste durante a captura. Ela foi trazida para o Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (CRA) na capital, deve passar por procedimentos e cuidados veterinários, já que há suspeita de fratura nos membros inferiores.  

Desde o início do ano até meados de abril, quase 800 animais silvestres foram capturados pela PMA em áreas urbanas de Mato Grosso do Sul, uma média de 7,4 animais/dia. O levantamento divulgado recentemente, revela que o índice é 5% menor que o registrado em 2021, quando a média foi de 7,8 animais/dia capturados. Aves, são os principais bichos capturados.

Ao analisar os dados sobre atropelamentos de animais silvestres em áreas urbanas e rurais, percebe-se que houve um aumento de 5% na média diária nos resgates de animais vítimas da imprudência dos motoristas ou da falta de estrutura adequada para a travessia segura. De janeiro a abril de 2021, foram resgatados 129 animais e até o dia 17 de abril deste ano, outros 40 animais foram encontrados com vida após serem atropelados.  

CBN: BANNER SABIN MEIO DE 09 A 31.05
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Segundo o coronel da PMA, Edmilson Queiroz, apesar da quantidade de animais atropelados por motoristas, na maioria das vezes pelo excesso de velocidade, os condutores estão acionando com mais frequência os canais de resgate. “Quanto mais se abre rodovias, mais aumenta o índice de acidentes. Em casos específicos como o da BR-262, na cheia, o animal procura a parte mais alta, e em vários pontos, essa parte é o aterro da rodovia, além da migração comum. A grande vantagem é que a população tem acionado a PMA”, explica.

Recentemente, houve ainda dois casos de resgates de antas, vítimas de caçadores, que arrebentaram cabos de aço de armadilhas de caça. Os animais foram capturados pela PMA com muitos ferimentos e em estado grave. Um deles infelizmente foi a óbito no CRAS. Três aves resgatadas e um jacaré nos rios também foram resgatados. Eles estavam presos a anzóis de galho, quando tentavam comer isca de petrecho ilegal de pesca.

No ano passado, policiais militares ambientais capturaram 2.841 animais silvestres nos perímetros urbanos do estado, sendo diversos, vítimas de atropelamentos nos centros urbanos e rodovias. O número é 25% superior a 2020, com 2.268 casos. Este índice já havia sido 28% superior relação a 2019, onde 1.766 registros foram feitos e superior superior a 2018, com 1.393. 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de CBN Campo Grande