RÁDIOS
Campo Grande, 30 de junho

Crise será revertida apenas em médio prazo, aponta Clauber Aguiar

Diretor do Observatório Econômico do Sindifiscal fez declaração durante quadro do Jornal CBN Campo Grande

Por Nyelder Rodrigues
22/06/2022 • 15h00
Compartilhar

Em mais uma edição da coluna Menos Imposto, Mais Emprego, o diretor do Observatório Econômico do Sindifiscal (Sindicato dos Fiscais Tributários), Clauber Aguiar, comentou a crise que vem afetando a economia mundial, e consequentemente a brasileira.

De acordo com Clauber, a crise será revertida apenas em médio prazo, e não em um curto prazo como muito acreditam que possa ocorrer. Ele foi questionado pela apresentadora do Jornal CBN Campo Grande sobre a alta dos preços dos combustíveis.

"Falando especificamente sobre o setor de transportes, o cenário não é favorável. O cenário é de crise mundial. Existem fatores que contribuem para isso, e a previsão para reversão desse quadro é de médio prazo, não é de curto. O que nos resta agora são ações para mitigar os efeitos negativos desse quatro", explica Aguiar.

O diretor do Sindifiscal ainda comenta que existem fatores que contribuem para a alta de preços em um contexto geral. Além da pandemia, que trouxe um choque de oferta adverso, com poucos produtos no mercado, houve ainda uma equalização de produtores.

"Há 30 anos o oriente compete com o ocidente na formação dos preços, pois eles tinham a mão de obra mais barata e isso alavancou o crescimento deles. Eram preços mais seguros em função dessa pressão dos custos menores", diz Aguiar, seguindo o raciocínio.

Ele aponta ainda que esse período, que durou três décadas, acabou. "O crescimento do oriente desacelerou e os países enriqueceram, a mão de obra passou a ser melhor remunerada", conta Clauber, revelando que daí houve menor pressão sobre os preços.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de CBN Campo Grande