RÁDIOS
Campo Grande, 22 de fevereiro

Servidores municipais recebem 13º salário integral nas contas

Município de Dourados é o primeiro em MS a pagar o valor integral aos funcionários públicos e comissionados

Por Redação CBN/CG
14/11/2023 • 09h15
Compartilhar

O funcionalismo público de Dourados, maior município do interior de Mato Grosso do Sul, já pode sacar o dinheiro referente ao 13° salário, de forma integral. O pagamento foi disponibilizado nas contas bancárias dos servidores nesta terça-feira (14). 

O valor líquido da folha, referente ao 13° salário, é de quase trinta milhões de reais (R$ 28.662.187,75). Dourados é a primeira cidade de Mato Grosso do Sul a pagar o décimo dos servidores na totalidade

Esse pagamento adiantado só foi possível graças ao planejamento e ao compromisso com as contas da prefeitura. Esse esforço tem permitido que a gente consiga se organizar financeiramente para honrar os compromissos e fazer entregas importantes para nossa cidade”, afirmou o prefeito Alan Guedes (PP). 

CBN: BANNER CRESOL ATÉ 29.02.2024 ATUAL. 08.02
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Ainda de acordo com o prefeito, o pagamento dos salários em dia, e a antecipação do décimo terceiro fazem parte da proposta de valorização dos servidores municipais.

Primeiro, honrar, reconhecer e agradecer todos os servidores que ajudam a cuidar da cidade. Sem os servidores, nada seria possível. Segundo, permitir que as famílias se organizem melhor para o fim do ano, antecipando compras e colocando os compromissos em dia e terceiro, fomentar o comércio, antecipando o movimento de compras nesse período que antecede o Natal”, explicou Guedes. 

A atual administração do município tem procurado, sempre que possível, antecipar os pagamentos dos salários dos servidores, como ocorreu no mês passado, quando o funcionalismo recebeu os valores no dia 27 de outubro, antes do mesmo do mês terminar.

RECUPERAÇÃO FISCAL

Nos últimos anos, a gestão do município de Dourados tem priorizado o cuidado com alguns indicadores financeiros como gastos com pessoal, liquidez, investimentos e autonomia, para garantir a recuperação financeira das contas públicas. 

Um exemplo de que o esforço vem dando resultado é a atual posição do município no Índice Firjan de Gestão Fiscal (IFGF), um levantamento nacional, divulgado neste mês de novembro, no qual as finanças douradenses receberam nota 0.6543, maior que a média nacional, que é 0,625. 

A nota IFGF tem pontuação que varia de zero a um. O resultado de Dourados é considerado bom, onde se encaixam municípios com notas entre 0,6 e 0,8.

Nesta edição do estudo foram analisadas as contas de 5.240 municípios, com dados oficiais de 2022 – últimos disponíveis já que a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) determina que até 30 de abril de cada ano as prefeituras encaminhem as declarações referentes ao ano anterior à Secretaria do Tesouro Nacional (STN).

O resultado mostra evolução constante de Dourados nos últimos anos. Em 2019, o município teve a nota 0,4676 e em 2020 de 0,5328, considerada apenas regular. O salto foi dado em 2021, quando a nota chegou a 0,6491, subindo a avaliação para Boa Gestão, mantida em 2022, com incremento na nota. 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de CBN Campo Grande