Paranaíba, 26 de outubro
27º C
(67)99272-4655

Homem é condenado a 27 anos de prisão por feminicídio

Valéria foi morta na noite de 14 de maio de 2020

Por Alex Santos
11/10/2021 • 09h10
Compartilhar

O Tribunal do Júri de Paranaíba condenou a 27 anos e 7 meses de reclusão, 1 mês de detenção, além de 45 dias-multa Sérgio da Silva Vergínio, acusado de matar a golpes de facas Valéria Ribeiro de Oliveira.

O julgamento foi marcado por homenagens e emoção de familiares da vítima, que vestiam camisetas estampadas com uma foto de Valéria Ribeiro e a frase “Guerreira na terra, Anjo no Céu”.

Valéria foi morta na noite de 14 de maio de 2020 após ser rendida por Sérgio quando chegou em casa. Armado, ele efetuou disparos, mas a vítima conseguiu desarmá-lo. O agressor foi até a cozinha, pegou uma faca e atacou a ex-namorada.

Ele foi condenado pelos crimes de homicídio qualificado por motivo torpe, emboscada, recurso que dificultou a defesa da vítima e contra mulher no contexto de violência doméstica, também foi condenado por violação de domicílio e porte de arma, referente ao dia anterior ao feminicídio.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de Cultura FM 106,3 - Paranaíba